spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Angra começa a vacinar crianças a partir de seis meses

spot_imgspot_img

Mais lidas

Nesta quarta-feira (23) a cidade de Angra dos Reis deu início a vacinação contra a covid-19 para crianças a partir de seis meses de idade que tenham comorbidades.

Será aplicada a dose da vacina Pfizer Baby, que tem autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), este imunizante pode ser aplicado em crianças de até 2 anos, 11 meses e 29 dias.

Deverá ser feito um agendamento prévio pelo telefone (24) 3365-4213, para recebimento da imunização. A Prefeitura informou que a vacinação nas ilhas será agendada por uma equipe da Secretaria de Saúde.

Os pais ou responsáveis pelas crianças devem levar cartão do SUS, caderneta de vacinação da criança e laudo que comprove a comorbidade para que seja aplicada a vacina.

De acordo com o Ministério da Saúde três doses da Pfizer Baby devem ser aplicadas, sendo as duas primeiras com quatro semanas de intervalo. Já a terceira, deve ser aplicada oito semanas depois. Segundo a Prefeitura, a vacinação não é indicada caso a criança esteja com febre.

Confira abaixo os locais de vacinação:

  • Clínica da Família Centro
  • ESF Japuíba
  • ESF Campo Belo 2/Areal
  • ESF Jacuecanga
  • ESF Monsuaba
  • ESF Bracuí
  • Clínica da Família do Frade
  • ESF Parque Mambucaba 3

As comorbidades que qualificam o recebimento da vacina são:

  • Diabetes mellitus
  • Pneumopatias crônicas graves
  • Hipertensão Arterial Resistente (HAR)
  • Hipertensão arterial estágio 3
  • Hipertensão arterial estágios 1 e 2
  • Doença neurológicas crônicas;
  • Doença cerebrovascular
  • Doença renal crônica
  • Imunossuprimidos
  • Hemoglobinopatias graves
  • Obesidade mórbida
  • Síndrome de Down
  • Cirrose hepática
  • Insuficiência cardíaca (IC)
  • Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
  • Cardiopatia hipertensiva
  • Síndromes coronarianas
  • Valvopatias
  • Miocardiopatias e Pericardiopatias
  • Doenças da Aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas
  • Arritmias cardíacas
  • Cardiopatias congênita no adulto
  • Próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados

A cidade de Paraty ainda não iniciou a vacinação para crianças desta idade.

*estagiária sob supervisão de Lucas Nunes

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias