spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Angra Rotativo entra em fase de teste na próxima segunda-feira

spot_imgspot_img

Mais lidas

Na próxima segunda-feira (16) terá início a fase de teste do Angra Rotativo, que irá até o domingo (22). Este é um projeto de estacionamento pago em vias e áreas públicas próximas às áreas de comércio do Centro, da Vila Histórica da Mambucaba e da orla marítima.

Aproximadamente 80% do valor arrecadado com o estacionamento irão ser investidos na cidade, garantindo benefícios para a população. Estes benefícios incluirão Wi-Fi gratuito em praças, aumento no número de câmeras de segurança e a ampliação da rede de fibra ótica de órgãos públicos, entre outros.

Parte do programa Cidade Inteligente, esta ação é uma parceria da Prefeitura de Angra dos Reis com o Consórcio Luz de Angra, que organizará o estacionamento na cidade, facilitando a busca por vagas em áreas de maior fluxo de veículos.

O Angra Rotativo contará com três zonas especiais: Zona Azul, para carros de passeio, vans e outros veículos de pequeno porte. A Zona Branca, para motocicletas e a Zona Laranja, que será uma orla marítima.

Ao todo, serão 900 vagas de estacionamento.

Com o bilhete avulso os moradores terão direito a uma hora de estacionamento, ao custo de R$3 (Zonas Azul e Laranja) e de R$1 Zona Branca. Em todas as zonas, haverá a possibilidade de renovação de tempo de permanência, sem limite.

Até o dia 22 de janeiro, cerca de 30 agentes vão orientar os motoristas. A cobrança só começará no dia 23.

Quanto mais tempo o veículo ficar estacionado, mais barata será a tarifa, no caso da compra antecipada por um período fixo. Nas Zonas Azul e Laranja: 4 horas (R$ 8), 6 horas (R$ 10), 8 horas (R$ 12) e 11 horas (R$ 15). Na Zona Branca: 4 horas (R$ 3), 8 horas (R$ 5) e 11 horas (R$ 7).

As Zonas Azul e Branca vão funcionar de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h, e aos sábados, das 8h às 14h, no Centro e na Vila Histórica. Já a Zona Laranja (orla), com vagas para qualquer veículo, incluindo motos, funcionará todos os dias, incluindo feriados, das 8h às 19h.

A implantação do Angra Rotativo em outras áreas será feita de forma gradativa. A expectativa é que, até o fim de 2024, a cidade tenha mais de 2 mil vagas de estacionamento nesse modelo.

O pagamento do Angra Rotativo poderá ser feito no aplicativo Digipare, nos parquímetros, nos estabelecimentos credenciados e com os operadores devidamente identificados.

Com o Digipare, o usuário carrega um valor em crédito que é debitado conforme o uso, como um cartão de metrô. Nos parquímetros, só serão aceitos pagamentos em moedas e cartões de crédito e débito. Estabelecimentos credenciados e operadores aceitarão cédulas, moedas e cartões.

A partir de 23 de janeiro, quem descumprir as regras poderá receber uma multa de 10 vezes o valor da tarifa básica, cobrada pela empresa operadora do serviço, e outra relativa ao estacionamento irregular, cobrada pela autoridade municipal de trânsito.

Pessoas com deficiência terão gratuidade assegurada por lei nas vagas a ela destinadas. No caso dos idosos, a gratuidade será nas duas primeiras horas, também nas vagas demarcadas. Nos dois casos, é obrigatório o uso da credencial visível no painel do veículo.

As operações de carga e descarga poderão ser feitas gratuitamente, nos locais indicados, das 6h às 10h e das 18h às 22h. Fora desses horários, haverá cobrança de R$2 a cada hora de permanência na vaga.

Veículos de órgãos públicos devidamente identificados terão gratuidade apenas para a realização dos serviços a que se destinam.

*estagiária sob supervisão de Lucas Nunes

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias