spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Sistema free flow já é utilizado por mais de 9 milhões de brasileiros

spot_imgspot_img

Mais lidas

Dados da Associação Brasileira das Empresas de Pagamento Automático para Mobilidade (ABEPAM), atualmente, mais de 9 milhões de brasileiros já utilizam tags para simplificar a rotina nos deslocamentos rodoviários. E o free flow (fluxo livre), um sistema de pedágio por pórticos, que permite o tráfego de veículos sem que os motoristas precisem passar em cabines de cobrança, já funciona na região da Costa Verde.

Os pórticos de cobrança estão localizados no Estado do Rio de Janeiro, em Paraty (Km 538), Mangaratiba (Km 447) e Itaguaí (Km 414). O free flow funciona de forma bastante simples, integrando os registros do tráfego apurado nos pórticos — que são instalados em locais estratégicos das rodovias — aos sistemas que fazem a leitura de placas e tags veiculares. Quem não possuir tag, deverá realizar o pagamento por meio da identificação da placa, em até 15 dias corridos, evitando multas.

Dentre as vantagens que os usuários têm com a utilização de tags eletrônicas, o destaque fica por conta dos descontos que, automaticamente, reduzem a tarifa em 5% nos pagamentos efetuados com este meio de pagamento. Além disso, automóveis e veículos leves em geral com tags ainda têm descontos progressivos, que podem chegar a 70% a cada mês vigente, a partir da segunda passagem por um mesmo pórtico e sentido de percurso.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias