spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

MPRJ obtém condenação de homem por tentativa de feminicídio em Angra dos Reis

spot_imgspot_img

Mais lidas

Na quarta-feira (22/03), o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 1ª Promotoria de Justiça Criminal de Angra dos Reis, obteve, no Tribunal do Júri de Angra dos Reis, a condenação de um homem por tentativa de feminicídio triplamente qualificado. Flavio da Silva Lins foi condenado a 16 anos de prisão.

O crime ocorreu em 2019, no Parque Mambucaba, Angra dos Reis. O acusado ingressou de madrugada na residência da vítima e desferiu diversos golpes de facão contra ela, resultando em ferimentos gravíssimos em seus membros superiores. O Promotor de Justiça Heleno Nunes Filho, titular da 1ª Promotoria Criminal de Angra, demonstrou ao Júri que o denunciado tinha, de fato, a intenção de matar, o que só não ocorreu porque a vítima conseguiu se defender com os braços, os quais quase foram arrancados pelas facadas.

Flavio Lins também foi condenado por ameaça, porque no dia anterior enviou mensagens de áudio pelo aplicativo Whatsapp, afirmando: “Eu vou tacar fogo em todas vocês, vou picar você toda, cortar sua cabeça e colocar em uma estaca”.

O MPRJ demonstrou ao Tribunal do Júri que a tentativa de feminicídio foi triplamente qualificada, pois ainda foi cometida com meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e motivo fútil.

*estagiária sob supervisão de Raquel Morais

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias