spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img
spot_imgspot_img

Deputado pede na Alerj isenção de pedágios na Costa Verde

Mais lidas

O deputado estadual Anderson Moraes (PL) encaminhou à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) indicação solicitando que a Casa envie um ofício ao presidente da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Lucas Asfor Rocha Lima, pedindo que os moradres dos municípios de Itaguaí e de Mangaratiba sejam isentos da cobrança de pedágio na BR 101. O documento também sugere a viabilização de rota alternativa à população local.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres ainda não se manifestou sobre o ofício encaminhado pelo deputado estadual Anderson Moraes, do PL, que solicitou que os moradores dos municípios de Itaguaí e de Mangaratiba sejam isentos da cobrança de pedágio na BR-101. O documento sugere, ainda, a viabilização de uma rota alternativa à população local.

Desde o último dia 31 de março é cobrado pedágio no valor de R$ 4,10, em três pontos instalados pela concessionária CCR Rio SP na Rodovia Rio Santos: em Itaguaí, na altura do km 414; em Mangaratiba, na altura do km 447; e em Paraty, no km 538. Nos fins de semana e feriados, a tarifa tem valores diferenciados para carros de passeio e veículos comerciais, das 18h de sexta-feira às 6h de segunda-feira. Os motociclistas estão isentos do pedágio.

Segundo o deputado na sua indicação, a instalação do pedágio nesses pontos prejudica o direito de ir e vir dos moradores por obrigá-los a passar necessariamente pelo pedágio para sair de seus municípios.

Até o momento, a ANTT não se pronunciou sobre o assunto.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias