spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img
spot_imgspot_img

Festa do Divino Espírito Santo se encerra este domingo com Nando Reis

Mais lidas

A Festa do Divino Espírito Santo, uma das mais tradicionais e culturais de Angra dos Reis, será encerrada este fim de semana, com um grande show de Nando Reis no domingo, 28, a partir das 20 horas. Caberá a Lincoln Glauber se apresentar na abertura.

Esta sexta-feira, às 18 horas, haverá a Coroa do Divino na Igreja Matriz. Às 19h, Santa missa e coroação do Menino Imperador na Igreja Matriz; às 20h, apresentação das danças folclóricas no Cais Santa Luzia e após, show com Kalebe e Leinany e Roberta Miranda. Mais cedo, houve a Alvorada Festiva, Café do Menino Imperador na Comunidade da Fortaleza; Chegada do Menino Imperador no Cais de Santa Luzia e almoço no Convento do Carmo.

Neste sábado, às 18h, bandeiras do Divino Espírito Santo sairão da casa dos festeiros e cortejo até a Igreja Matriz; às 18h30, Santo Terço na Igreja Matriz; às 19h, Santa Missa na Igreja Matriz; 20h, apresentação das danças folclóricas no Cais Santa Luzia e às 20h, show com os grupos “Choro Caiçara” e “Nosso Som”, e Yasmin Santos.

No domingo, às 6h, terá Alvorada Festiva; às 06h30, Acolhida das comunidades e bandeiras do Espírito Santo no amanhecer na Igreja Matriz; às 7h, Missa logo após café comunitário na Praça da Matriz; 10h, Missa solene na Igreja Matriz; 16h, Missa solene na Igreja Matriz; 17h, Procissão do Divino Espírito Santo após a troca da coroa do Divino pelo chapéu do Imperador e às 20h, apresentação das danças folclóricas no Cais Santa Luzia.

A festa teve abertura oficial no último dia 19 com uma missa na Igreja Matriz e a entrega das bandeiras do Divino para as comunidades locais. A festa conta ainda com danças folclóricas dos coquinhos, jardineiras, lanceiros, marujos e velhos, além de bandas e cantores regionais.

As ruas, casarões e as igrejas históricas do Centro da cidade foram enfeitados com bandeirinhas e estandartes vermelhos para simbolizar o Espírito Santo, receber a procissão e também as missas solenes.

Neste ano, o menino imperador imperador é interpretado por Pedro Henrique Reis do Nascimento, morador do Morro da Fortaleza e integrante da catequese na Igreja Matriz.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias