spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Estado lança o Guia de Turismo Rural RJ da Costa Verde

spot_imgspot_img

Mais lidas

Quem faz turismo rural ou trabalha nesta área, agora pode contar com o Guia de Turismo Rural RJ da Costa Verde, lançado nesta quarta-feira, 28, no município de Mangaratiba. Este contempla as cidades de Angra, Itaguaí, Mangaratiba e Paraty. Foi elaborado pela TurisRio e a Secretaria de Estado de Turismo, em parceria com a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento.
O objetivo é promover o desenvolvimento econômico e cultural nas áreas rurais, por meio de atividades turísticas. O lançamento ocorreu no Hotel Portobello, em Mangaratiba.
De acordo com o secretário de Estado de Turismo, Gustavo Tutuca, o setor é muito rico em todo o território fluminense.
“O Guia do Turismo Rural é mais um passo no trabalho que temos feito de qualificação dos destinos, ajudando cada município a enriquecer suas ofertas de produtos e serviços turísticos. Não adianta nada a gente fazer o trabalho de promoção do Rio de Janeiro para os mercados nacionais e internacionais se as nossas cidades não estiverem preparadas para receber esses visitantes. E quero fazer um reconhecimento especial aos municípios dessa região, que têm se esforçado pelo desenvolvimento do turismo, que é uma das principais regiões do estado de interesse do turista internacional”, disse Tutuca.
Entre os atrativos do turismo rural na Costa Verde, estão os alambiques (onde se fabrica cachaça) em Paraty; o Parque Estadual Cunhambebe, Fazenda Rubião e o Vale do Mazomba, em Mangaratiba, que tem vários eventos onde todos os sabores das culinárias regionais podem ser apreciados. A Estrada da Palmeiras tem vários sítios, onde se faz a famosa Festa do Aipim.
O guia apresenta os municípios da região e tem um QR Code com a localização no mapa, informações sobre agendamento de visitas, selos Pet Friendly e links de redes sociais e sites, com indicação de passeio.

Além da Costa Verde, já foram lançados os Guias do Vale do Café e da Costa Doce. Além disso, já foram inventariadas as demais regiões turísticas, com exceção da Metropolitana, que será feita no mês de julho.

Também serão realizadas capacitações para os agentes de viagens, operadores, e também guias de turismo, além de press trips com jornalistas e influenciadores digitais para promoção dos atrativos catalogados no interior.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias