spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img
spot_imgspot_img

Alimentação e hidratação são essenciais durante os dias quentes

Mais lidas

O carnaval está chegando e milhões de foliões irão para as ruas aproveitar os blocos, porém, com as mudanças climáticas recentes, o calor pode se tornar um sério problema, já que as temperaturas têm batido recordes neste início de ano.

A nutricionista Gabrielle Lacerda, da Clínica Niterói, deu dicas de como se alimentar e se manter hidratado durante os dias quentes. “Neste período perdemos muito líquido devido ao suor, portanto a hidratação deve ser intensificada com aumento de ingestão de líquidos, que além de água, também pode ser água de coco, chás gelados e sucos de frutas”, afirmou Gabrielle.

Desidratação é pior para idosos e crianças

Durante os momentos de calor, os mais afetados são idosos e crianças, que são mais vulneráveis e desidratam mais rapidamente. A proporção de água no corpo de uma criança é maior que a de um adulto, por isso, a perda de água pode causar sérios problemas. Já os idosos possuem uma perda de líquido maior do que pessoas em outras fases da vida, ou seja, precisam ficar constantemente repondo a quantidade de líquido perdida.

Há também quem escolha pelos congelados. A empresária Denise Gomes, chefe de cozinha do restaurante Alecrim, em Icaraí, explica que os alimentos congelados podem ser uma ótima opção durante os dias quentes do verão. Por conta do calor, o crescimento de fungos e bactérias pode ser acelerado em frutas, legumes e verduras, encurtando a vida útil do alimento. Para driblar esse problema, a escolha por congelar esses alimentos pode preservar os nutrientes e evitar desperdícios.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias