spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Diante de milhões de brasileiros, Lula toma posse como presidente pela terceira vez

spot_imgspot_img

Mais lidas

Pela terceira vez, Luiz Inácio Lula da Silva foi empossado como Presidente da República na tarde deste domingo (1º). A celebração do novo mandato levou levou cerca de milhares de apoiadores à Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Entre um dos momentos mais marcantes da cerimônia, Lula recebeu a faixa presidencial de oito pessoas, que ali representavam o povo brasileiro. Entre eles estavam: o cacique Raoni Metuktire, de 90 anos, líder do povo Kayapó, o menino Francisco Carlos do Nascimento e Silva, o professor Murilo de Quadros Jesus, a vigília Jucimara Fausto dos Santos, o influenciador da inclusão Ivan Vitor Dantas Pereira, o metalúrgico Weslley Viesba Rodrigues Rocha e a catadora Aline Sousa.

Foto de REUTERS/Ueslei Marcelino

No congresso nacional, Lula destacou a defesa da democracia e o foco no combate à pobreza e à fome. O político também afirmou que seu governo será de esperança, união do país e sem revanchismo.

“Hoje, nossa mensagem ao Brasil é de esperança e reconstrução. O grande edifício de direitos, de soberania e de desenvolvimento que essa nação levantou a partir de 1988, vinha sendo sistematicamente demolido nos anos recentes. É para reerguer esse edifício de direitos e valores nacionais que vamos dirigir todos os nossos esforços”, expressou.

Foto de Jacqueline Lisboa/Reuters

Após discursar e se emocionar na frente de seus apoiadores, Lula recebeu líderes estrangeiros, entre eles, 17 chefes de estado. Em seguida, o presidente deu posse aos 37 ministros que vão trabalhar ao seu lado pelos próximos quatro anos.

“Há muito tempo, não víamos tamanho abandono e desalento nas ruas. Mães garimpando lixo em busca de alimento para seus filhos. Famílias inteiras dormindo ao relento, enfrentando o frio, a chuva e o medo. Crianças vendendo bala ou pedindo esmola, quando deveriam estar na escola vivendo plenamente a infância a que têm direito”, disse.

Foto de DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

Já no primeiro dia de trabalho, o presidente assinou seus primeiros atos. Um deles foi a medida provisória que garante o pagamento de R$ 600 do Bolsa Família.

Lula também assinou decreto que altera a política de flexibilização de acesso às armas, promovida pelo seu antecessor Jair Bolsonaro.

O novo mandatário prevê reavaliar sigilos impostos pelo ex-presidente.

*Estagiário sob supervisão de Raquel Morais

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias