spot_imgspot_img

LEIA MAIS NOTÍCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

spot_img

Lei Paulo Gustavo: Paraty promove debate para destino da verba

spot_imgspot_img

Mais lidas

A Prefeitura de Paraty está convidando todos os artistas e fazedores de cultura locais a participarem de uma escuta presencial para discutir o destino da verba proveniente da Lei Paulo Gustavo. O evento está marcado para a próxima terça-feira (23/05), das 16 às 19 horas, e acontecerá no segundo andar da rodoviária.

A Lei Paulo Gustavo, oficialmente conhecida como Lei Federal de Emergência Cultural Aldir Blanc, foi promulgada em 2020 com o objetivo de auxiliar o setor cultural durante a pandemia da COVID-19. O nome da lei é uma homenagem ao renomado ator e comediante brasileiro Paulo Gustavo, que faleceu em decorrência das complicações causadas pelo vírus.

A verba destinada pela lei tem como propósito principal apoiar artistas, produtores culturais, técnicos e demais profissionais envolvidos no setor, que foram duramente impactados pelas restrições e paralisações de eventos e atividades culturais durante a crise sanitária.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Paraty

Com o intuito de garantir uma participação democrática e transparente no processo de definição do destino desses recursos, a Prefeitura decidiu promover uma escuta presencial, proporcionando um espaço para que os artistas e fazedores de cultura possam expressar suas opiniões, ideias e necessidades.

Durante o evento, serão abordados diversos temas relacionados ao uso da verba, tais como apoio a projetos culturais, capacitação profissional, manutenção de espaços culturais, entre outros. Os participantes terão a oportunidade de compartilhar suas visões e contribuir para a definição das diretrizes que nortearão a aplicação dos recursos.

A Prefeitura ressalta que “a participação de todos é fundamental para que a destinação da verba seja eficiente, inclusiva e atenda às demandas da diversidade cultural do município. É uma oportunidade única de fazer parte do processo de construção de políticas públicas que fortaleçam o setor artístico e cultural”.

*estagiária sob supervisão de Raquel Morais

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas noticias